segunda-feira, 15 de abril de 2024
23.8 C
Vitória

Campanha “Setembro Amarelo” começa com o tema : “Você não está só”

Setembro Amarelo é uma campanha dedicada para falar sobre saúde mental. Problemas que acabam acarretando em suicídio.

Tema bastante delicado quando tratado pela imprensa de forma geral. Mas o assunto é prevenção. O Setembro Amarelo foi criado em 2013, mas ganhou mesmo notoriedade no ano seguinte, com a adesão da Associação Brasileira de Psiquiatria e o Conselho Federal de Medicina. Desde então a campanha ganha novos parceiros.

O suicídio é uma triste realidade que atinge o mundo todo e gera grandes prejuízos à sociedade. De acordo com a última pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde – OMS em 2019, são registrados mais de 700 mil suicídios em todo o mundo, sem contar com os episódios subnotificados, pois com isso, estima-se mais de 1 milhão de casos.

No Brasil, os registros se aproximam dos 14 mil casos por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia.

Suicídio; é preciso estar atento aos sinais. Foto: divulgação.

“Você não está só”

O tema da Campanha deste ano já diz tudo. Quem tira a própria vida, acaba dando alguns sinais, como algumas doenças que se manifestam e muitas vezes podem passar despercebidas. Depressão, ansiedade, pânico e outros transtornos, muitas vezes podem ser confundidas com coisas do dia a dia, como o desânimo, ou preguiça, por exemplo.

Precisamos falar sobre suicídio e a importância da prevenção

Você já deve ter lido, ou ouvido a expressão “Quase ninguém tá bem”. É que com o acesso à informação, e a internet com conteúdos falando sobre, muita gente tem se alertado e procurado ajuda. Nós já falamos aqui sobre todos os sinais, formas de tratamento, acompanhamento. O assunto é sério e deve ser tratado por profissionais.

Peça ajuda

Todos nós devemos atuar ativamente na conscientização da importância que a vida tem e ajudar na prevenção ao suicídio, tema que ainda é visto como tabu. É importante falar sobre o assunto para que as pessoas que estejam passando por momentos difíceis e de crise busquem ajuda e entendam que a vida sempre vai ser a melhor escolha.

É preciso conversar e reforçar, nunca é demais. Acolher, se sentir ouvido, importante para alguém pode salvar vidas. Por isto existe o Centro de Valorização da Vida (CVV), que atua de forma voluntária através do telefone 188. É um serviço 24 horas que serve para conversar. Para aquele que está com pensamentos ruins, pensando no que não deveria.

O CVV é uma das ONGs mais antigas do país, fundado em São Paulo em 1962. Você pode também acessar o site.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp! Basta clicar aqui.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Relacionados

- Publicidade -