domingo, 14 de agosto de 2022
21 C
Vitória

Suspeita de varíola dos macacos em criança é descartada em Cachoeiro

A suspeita de infecção por varíola dos macacos (monkeypox) em uma criança de sete anos foi descartada, informou nesta quinta-feira (4) a Secretaria de Saúde de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo. A criança, que estava em isolamento domiciliar, apresentou bolhas no corpo que foram crescendo, inflamando e viraram feridas.

O caso foi informado às autoridades, o material para exame coletado e encaminhado para o Laboratório Central (Lacen) localizado no Rio de Janeiro.

A Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim ressaltou que, o vírus da monkeypox foi descartado, mas, não informou qual vírus ou doença estaria gerando os sintomas na criança.

Relembre o caso

O menino apresentou, na última semana, sintomas similares aos da varíola dos macacos e foi isolado em casa. Ele teve incialmente bolhas no corpo que coçavam. Com o passar dos dias, as lesões foram crescendo, inflamando e viraram feridas.

Os pais da criança buscaram atendimento no Hospital Materno Infantil Francisco de Aguiar (Hifa) e receberam a orientação que ele ficasse isolado em casa para evitar o contato com outras pessoas. A mãe da criança também ficou em isolamento.

Até esta segunda-feira (1º), o Espírito Santo registrou 13 casos suspeitos notificados, desses 7 foram descartados e outros 4 estavam em investigação.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -