sexta-feira, 24 de junho de 2022
23.3 C
Vitória

Escovar os dentes pode reduzir risco de câncer de esôfago; veja os cuidados

Quem nunca ouviu a velha e tão falada frase: “a saúde começa pela boca”. Desde pequenas as crianças escutam das mães, que reforçam a importância da higiene bucal, profetizada pelos dentistas. Mas, a frase não se trata de um clichê e, sim, uma verdade comprovada cientificamente.

Um estudo, publicado no jornal científico Cancer Research, mostrou que o hábito de escovar os dentes todos os dias pode reduzir em mais de 20% o risco de desenvolver câncer de esôfago.

Entretanto, não foi comprovado como o acúmulo de placas bacterianas ou a gengivite e a periodontite, doenças causadas por essas placas, estão relacionadas aos tumores.

No Brasil, o câncer de esôfago é o sexto mais frequente entre os homens e o 15º entre as mulheres, com exceção do câncer de pele não melanoma.  

A médica oncologista Virgínia Altoé Sessa explicou que outros fatores de risco para essa doença são o consumo frequente de carnes processadas, obesidade, ingestão excessiva de bebidas alcoólicas e tabagismo.

Dra. Virgínia Altoe Sessa

“Tabagismo e etilismo, que também contribuem para o desenvolvimento do câncer de esôfago, são fatores de risco que estão associados à má higiene bucal, ou seja, tabagistas que fumam uma grande quantidade de cigarros e pessoas que consomem muita bebida tendem a ter menos cuidado com a higiene da boca, uma vez que ingerem substâncias tóxicas. Como esse tipo de câncer não apresenta muitos sintomas em sua fase inicial, é fundamental atentar para a prevenção”, finalizou. 

De acordo com os pesquisadores da Universidade de Nova York, nos Estados Unidos, quando estão em níveis elevados, as bactérias podem aumentar o risco da neoplasia – quando o tumor se dá por crescimento do número de células – em até 21%.

No estudo realizado pela Universidade, 106 participantes desenvolveram câncer de esôfago e em todos eles foram encontradas bactérias em quantidades superiores aos dos demais pesquisados.

Saúde bucal é importante

O cirurgião dentista, Murilo Neitzel Sperandio de Souza, ressaltou que a manutenção de uma saúde bucal é de grande importância, não apenas para os dentes, mas para o corpo como um todo.

“Sabemos muito bem que a boca é a porta de entrada de muitas doença do corpo humano. Se os indivíduos não possuem o hábito de higienizar corretamente a boca, até mesmo o diabetes pode ser mais agravado”, esclarece. 

O especialista também descreve que, o melhor tratamento para todas as doenças é a prevenção, e isso não seria diferente dos hábitos relacionados às visitas ao dentista. 

“Recomendo sempre aos pacientes uma boa escovação. A utilização do fio dental é indispensável e a visita periódica ao dentista para um check-up a cada seis meses. Além disso, fique atento se sentir alguma alteração, dor ou sangramentos inesperados na gengiva”, finaliza. 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -