sábado, 25 de junho de 2022
21 C
Vitória

Despesas médicas consomem até 33% da renda dos brasileiros

Os brasileiros estão sentindo que suas despesas mensais estão cada vez mais apertadas no bolso. Com os reajustes recentes dos planos de saúde, sete em cada dez usuários gastam até um terço da renda mensal (33% dos gastos) com despesas médicas, como planos, consultas e exames.

Os dados foram divulgados na pesquisa realizada pelo instituto “PoderData”, intitulada de “O que pensam os brasileiros sobre a Saúde no Brasil?”. As entrevistas foram realizadas entre os dias 1º e 8 de abril deste ano com 3.056 pessoas acima de 16 anos de 388 municípios, nos 27 estados.

Entre 13% dos entrevistados, a despesa consome 50% da receita e em 7% dos casos acaba superando esse patamar.

A pesquisa revela ainda que desempregados e pessoas sem renda fixa (13%) são os que desembolsam a maior parcela dos ganhos, comprometendo mais de 50% do orçamento. Em segundo lugar (12%) estão os que recebem entre 2 e 5 salários-mínimos, com a mesma proporção de gastos. Já entre os que possuem renda mais alta, entre 5 e mais de 10 salários-mínimos, a despesa com saúde não ultrapassa 25% dos ganhos em 70% dos casos.

Em entrevista ao Portal MovNews, a aposentada Helena Peixoto Sales, de 61 anos, destaca o “abuso” cometido com o aumento recente dos planos de saúde.  

“Não temos um aumento de salário e agora temos que enfrentar o aumento dos planos, está sem condições. É uma faca de dois gumes que temos que enfrentar, porque o SUS também está da maneira que conhecemos. O jeito é às vezes deixar de fazer outras coisas para pagar”, desabafa.

Esse aumento de 15,5% registrado nos planos de saúde da população foi aprovado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) na quinta-feira (26). Esse é o maior aumento desde o início da série histórica em 2000. Antes, o maior registrado havia sido de 13,57% em 2016, segundo dados da agência.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -