Vereador Armandinho Fontoura deixa a prisão

0
Vereador Armandinho Fontoura e a mãe Kátia Alvarenga. Foto Divulgação

Depois de mais de um ano preso, o vereador de Vitória Armandinho Fontoura deixou a prisão no início da tarde desta nesta terça-feira (19). Ele estava detido desde 15 de dezembro do ano passado por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, suspeito de integrar milícia digital no Espírito Santo formada para atacar instituições como o próprio STF e seus ministros. ⠀

A liberdade de Armandinho é resultado de uma decisão de Moraes tomada na segunda-feira (18). O ministro validou 38 acordos firmados entre a Procuradoria-Geral da República (PGR) e pessoas que respondem a ações pelos atos criminosos de 8 de janeiro e concedeu liberdade provisória a 46 acusados de participação nos ataques.

Armando continuará a responder pelos crimes com medidas cautelares, como tornozeleira eletrônica. Ao todo, 66 pessoas – entre as mais de 2.000 presas pelos ataques – seguem presas.

Com a conversão para liberdade provisória, ele também segue impedido de sair do país, de ter contato com outros investigados, de ter posse de arma de fogo e de ativar as redes sociais.

Momento em que Armandinho deixou a prisão – Foto: divulgação

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp! Basta clicar aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui