sábado, 22 de junho de 2024
23.9 C
Vitória

Vereador Armandinho Fontoura faz aniversário atrás das grades e recebe carta emocionante da mãe

Nesta terça-feira (25), o vereador Armando Fontoura completa 32 anos de idade, porém, de maneira atípica, Armandinho celebra a data atrás das grades enquanto cumpre pena na penitenciária de Viana. O vereador encontra-se preso há 222 dias, desde que foi detido por ordem do ministro Alexandre de Moraes, sob a acusação de envolvimento em ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF) e financiamento de milícias digitais.

O parlamentar encontra-se agora distante de suas atividades públicas, vivendo um período conturbado em decorrência das acusações que pesam sobre ele.

Em vésperas desta data marcante, uma carta escrita por Kátia Alvarenga de Lima, mãe de Armandinho, veio à tona. A carta, que expressa sentimentos e reflexões maternas, tem como destinatário o próprio filho, que há quase sete meses está privado de sua liberdade.

Através desta carta emocionante, Kátia busca estabelecer um contato afetivo com o filho, mesmo em meio a um cenário adverso, e expressar seu apoio em um momento difícil da vida do vereador. O conteúdo dessa carta foi publicada nesta terça-feira (25), com a esperança de que alcance seu destino e chegue até Armandinho, proporcionando um elo de carinho e compreensão em meio a esse capítulo turbulento da trajetória do político.

Confira a carta escrita pela mãe de Armandinho.

“Meu filho Armandinho, hoje eu peguei uma flor e disse que era você. Porque, se você estivesse aqui comigo, eu sei que é o que você faria. Afinal, mesmo sendo no dia do seu aniversário, você sempre fez questão de me dar uma flor.

A única coisa que me dá conforto é ver que você continua sonhador e, sobretudo, otimista na Justiça brasileira. Mas, eu sou uma servidora pública, bibliotecária aposentada, que dediquei minha vida e simulando crianças e consulentes A procurar respostas nas mais diversas leituras, mas ainda não encontrei resposta nenhuma das nossas leis e de nenhum advogado ou magistrado para justificar esses 220 dias que está preso.

Vitória, 25 de julho de 2023

Kátia Alvarenga de Lima

Veja a carta escrita de próprio punho

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Relacionados

- Publicidade -