sexta-feira, 24 de junho de 2022
23.3 C
Vitória

Classe policial ligada ao PT quer estreitar conversas com Lula

As recentes declarações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que não visam incluir os desejos policiais nas pautas prioritárias do PT estão deixando a classe que simpatiza com o partido preocupada e essa falta de diálogo com os agentes pode acabar levando-os para o lado de Jair Bolsonaro.

Mês passado, quando Lula esteve em Porto Alegre, um grupo inusitado se misturou à militância tradicional da esquerda, composta de professores, artistas e cooperativistas, para conversar com o presidenciável no hotel em que ele ficou hospedado.

Na ocasião, Lula ouviu os apelos dos sindicatos policiais e do setor de segurança pública por um período bem curto, diferentemente do que aconteceu nas conversar com profissionais da educação e da cultura, que tiveram mais tempo da atenção do petista. Uma das pessoas que representava a força de segurança pediu a Lula cuidado especial na comunicação para os policiais.

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -