segunda-feira, 27 de junho de 2022
18.8 C
Vitória

Polícia Federal quer autorização do STJ para investigar denúncias de Pazolini contra governador

Por meio de nota a Polícia Federal informa  que documentos entregues na última segunda-feira (16) à Superintendência da PF no Espírito Santo pelo Prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini (Republicanos), foram analisados e encaminhados à Procuradoria Geral da República (PGR)

Segundo a assessoria da PF, o entendimento recente da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) é de que em havendo menção à qualquer autoridade com foro especial por prerrogativa de função, é imprescindível prévia autorização do Tribunal competente para realização de investigações.

Sendo assim, a autorização para a referida investigação precisa partir do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Cabe à PGR se manifestar para que o caso tramite e as investigações sejam abertas.

As denúncias do prefeito Lorenzo Pazolini contra o governo foram feitas durante a entrega de obras de uma escola, no último sábado, no bairro Jardim Camburi. O prefeito disse que participou de uma reunião no ano passado num palácio no centro da cidade, com nome de uma autoridade católica, em que teria sido oferecido, por uma autoridade, investimentos na capital sob a condição de que as obras seriam feitas por uma empresa já determinada. “A licitação já tinha ganhador”, disse Pazolini, sugerindo atos de corrupção nas licitações do governo.

A PGE foi acionada pela defesa do governador e entrou com uma representação no Ministério Público para que o prefeito diga a quem estava se referindo e que apresente provas sob pena de ser processado.

O Ministério Público deu cinco dias (até terça-feira que vem) para o prefeito dar mais esclarecimentos sobre o que falou no evento. Na segunda-feira, Pazolini procurou a Polícia Federal e entregou documentos.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -