sexta-feira, 6 de maio de 2022
24.9 C
Vitória

Prefeito de Linhares renuncia e vai disputar o governo

O agora ex-prefeito de Linhares, Guerino Zanon, anunciou na noite desta quinta-feira (31) a sua pré-candidatura ao governo do Estado.

Guerino Zanon entregou a sua renúncia ao cargo na Câmara de Vereadores de Linhares diante de um auditório lotado de lideranças,  vereadores,  empresários e servidores comissionados.

Ele saudou cada um de seus secretários e disse que a cidade estará em boas mãos,  referindo-se ao seu vice, Bruno Marianelli, que ocupa a função há três mandatos junto com Zanon.

Guerino disse que a decisão foi muito planejada e que deixa o mandato para poder dar a sua contribuição no cenário estadual das eleições de outubro.

“Eu atendo o que a legislação eleitoral me exige, de renunciar ao mandato de prefeito para que eu possa estar na política atuando nesta eleição que é de extrema importância para o futuro do Espírito Santo, buscando dar toda a colaboração que eu puder para ajudar o Estado a encontrar novos caminhos, novos horizontes”, disse.

Sobre ser desconhecido na Grande Vitória,  Guerino Zanon afirmou que tem uma história com todo o Espírito Santo e que não será difícil mostrar o trabalho que vem desenvolvendo no Norte do Estado para todos os capixabas.

O prefeito relembrou a trajetória ao longo dos cinco ciclos de gestão à frente da Prefeitura de Linhares e disse que confia na continuidade dos projetos sob a liderança de Bruno Marianelli. Ele também agradeceu a confiança da população linharense, das entidades representativas e a dedicação de cada servidor municipal que ao longo destes anos atuou de forma aguerrida e humana para garantir serviços de qualidade à população.

“Nesta caminhada de 17 anos à frente da Prefeitura realizamos investimentos históricos, fizemos entregas importantes em todas as áreas, em especial na saúde, educação, assistência social e na geração de emprego e renda, e pude cumprir o que sempre assumi em todos estes ciclos: cuidar das pessoas e dar dignidade à tantas famílias. Bruno sempre esteve ao meu lado participando de todos esses momentos”, disse Guerino.

Ainda de acordo com Zanon,  não há definição de um nome para vice em sua chapa. Perguntado sobre a ida do ex-vice-governador César Colnago para o PSD, Guerino despistou e disse que ainda é cedo para falar em composição sobre cabeça de chapa.

“Guerino é o candidato a governador do PSD e está liderando a montagem das chapas de federal e estadual”, afirmou  o coordenador do partido no Espírito Santo, José Carlos da Fonseca Júnior, Zé Carlinhos.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -