sábado, 14 de maio de 2022
26.9 C
Vitória

Encontrão do Podemos do ES recebe Sergio Moro

O pré-candidato à presidência Sérgio Moro foi recebido em Vitória por dirigentes e filiados ao Podemos na manhã deste sábado (12) em um evento organizado pelo partido que reuniu cerca de 300 pessoas no Centro de Convenções de Vila Velha/ES – CCVV.

Entre os presentes na mesa do evento estiveram ao lado de Moro, o Senador Marcos Do Val, a Presidente Nacional do Podemos e Deputada Federal, Renata Abreu, o Deputado Estadual Marcelo Santos, o Prefeito de Vila Velha Arnaldinho Borgo, o Vice-Prefeito de Vila Velha Dr. Victor Linhalis e o Presidente da Câmara de Vila Velha, vereador Bruno Lorenzutti.

Antes do início oficial do evento, Sergio Moro se reuniu com a imprensa local. A equipe do MovNews aproveitou o momento e perguntou ao pré-candidato se agora que ele está na carreira política, acredita que para ser eleito e governar vale tudo, até mesmo comer pastel na feira, tomar cafezinho com a “dona Maria” e inaugurar campo de futebol chutando a bola, como fez o prefeito Arnaldinho. A resposta foi rápida, direta e arrancou risos dos presentes: “olha, eu chuto bem bola, eu sou um exímio jogador”.

Moro aproveitou a pergunta e fez uma análise sobre a economia, a fome, segurança e corrupção no Brasil: “as pessoas hoje, estão desapontadas com a situação do Brasil porque a economia não está crescendo como deveria, a gente tem um cenário de estagnação econômica, isso reflete no emprego, o emprego não cresce da forma como deveria e claro que você encontra aqui e ali alguns nichos de prosperidade. Então assim, o que as pessoas querem ouvir principalmente é a volta do crescimento econômico, e esse é o nosso compromisso número 1. A gente precisa voltar a crescer com responsabilidade social, mas igualmente com responsabilidade fiscal; o Espírito Santo aqui é um exemplo de várias gestões que já algum tempo, vamos colocar na década de 90 tinha sérios problemas, e o Estado veio se reerguendo com o tempo, mas sempre mantendo ambas as responsabilidades, social e fiscal andam juntas, então nossa prioridade número 1 é a retomada do crescimento econômico, com emprego e com a possibilidade da gente conseguir aumentar a renda das famílias. Ao lado disso a gente precisa sim de um programa emergencial de erradicação da pobreza e da fome, que a gente tem visto no Brasil cenas assustadoras, pessoas na fila do osso, pessoas lá no sertão caçando lagartos para sobreviver, ou seja, não é esse o Brasil que a gente quer. Está no nosso plano também retomar uma série de bandeiras que são identificadas comigo, por exemplo, a volta do combate à corrupção, é assustador que no Brasil hoje não tem ninguém sendo preso por corrupção, como que é? Acabou a corrupção? Não acabou! Tá aí. A gente precisa voltar, investigar e punir, porque assim também você constrói um Brasil melhor. E claro, segurança pública, enquanto eu fui ministro da justiça, no ano da minha gestão, a gente teve uma queda e nunca houve uma queda tão abrupta dos indicadores criminais, assassinatos caíram 22% e roubo a banco 40%, depois eu saí e infelizmente os crimes até voltaram a subir, a gente tem que retomar aquelas políticas públicas que estavam dando resultado: programa vigia nas fronteiras, a rede nacional de perfis genéticos, a gente precisa sim discutir endurecimento da legislação em alguns aspectos.”

Além da apresentação de Moro ao Podemos Capixaba, o evento também foi marcado pela filiação do Vice-prefeito de Vila Velha ao partido, Dr. Victor Linhalis.

O ex- ministro também foi recebido pelo governador Renato Casagrande para um café da manhã na sede do Governo.

Quando perguntado, sobre o encontro com Casagrande ter sido em busca de apoio político, Moro se limitou a dizer que a conversa foi mais uma cordialidade, que Renato é um político experiente, então mais do que discutir apoio político é muito importante ter a visão dele para discutir sobre o país.

A visita ao Estado também rendeu um almoço com lideranças políticas e com direito a tradicional Moqueca Capixaba. Durante a tarde, Sergio Moro visitou o Convento da Penha e foi recebido pelo Frei Djalmo que compartilhou com o pré-candidato um pouco sobre os quatro séculos de história do Convento.

Moro se filiou ao Podemos em novembro do ano passado e tem percorrido o país em busca de fortalecimento político para as eleições de 2022.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -