quinta-feira, 19 de maio de 2022
16.9 C
Vitória

Audifax solta: “Por que só tá entregando volume de obras em ano eleitoral?”

Na contagem regressiva para as eleições de 2022, o Movimento Político tem recebido no MovNews os pré-candidatos ao Governo do Estado. Apesar do período de campanha eleitoral ainda não ter iniciado, muitos partidos já definiram e divulgaram seus pré-candidatos.

É o caso da Rede Sustentabilidade (18), que tem como pré-candidato ao Governo o economista e ex-prefeito da Serra, Audifax Barcelos. A conversa com Audifax pautou sua pretensão ao Palácio Anchieta, sua oposição e crítica ao governo Casagrande, entre outros assuntos. O repórter Edilson Lucas do Amaral foi quem conduziu a entrevista que começou com duras análises às ações da gestão Casagrande. Confira parte desse bate-papo abaixo, ou na íntegra no vídeo desta publicação.

Audifax Barcelos, você realmente é pré-candidato à governador do Estado?

Sou, se Deus quiser. Me sinto preparado para ser governador desse Estado. Quem viu a Serra 20 anos atrás e quem vê hoje, vê mudanças, tenho experiência e entendo que o Estado pode muito mais do que está aí hoje. Eu presenciei um ato recentemente em uma reunião com prefeitos, onde alguns colocaram o atual governo igual ao Silvio Santos, jogando dinheiro pra cima, isso foi falado no Palácio. O Estado tem muito dinheiro, mas precisa agir com mais responsabilidade, ouvir mais a população, ver o que é prioridade, não é porque está cheio de dinheiro, que vai fazer obras que não são de interesse. Um exemplo é a cidade de Cariacica, eu percebo que a população precisa de saúde em Cariacica, precisa de hospital e não de construir uma orla artificial que não vai ser usada e com o dinheiro do Governo do Estado, transferido para prefeitura. Cariacica precisa de saúde, de emprego, de educação, precisa melhorar a segurança, isso é prioridade. Então eu quero ser governador, ouvindo a população, entendendo o que é prioridade.

Então Audifax Barcelos se posiciona como ferrenho opositor a gestão Casagrande:

Ferrenho opositor é uma palavra muito forte, mas se for necessário serei sim. Aquilo de bom que está sendo feito, vou dar sequência, mas com certeza vou dá uma velocidade maior, assim como na cidade da Serra. Por exemplo, eu vi recentemente, uma obra que tá aí anos e anos parada, um prejuízo, que é o Cais das Artes. Um absurdo, o Estado cheio de dinheiro, com uma obra parada e o tempo consumindo aquilo ali, isso eu não vou aceitar, vou dar mais agilidade a essas questões. Vou sempre respeitar a autoridade que aí está, mas vou sempre questionar. Vou questionar por que a orla de Piúma não foi feita ainda? Por que tanta demora na questão de Meaípe? Quem frequenta, vê aquele absurdo. Por que só tá fazendo esse volume de obras e de entregas em ano eleitoral? E repito, DINHEIRO TEVE, eu fui prefeito em 2020 e sei que teve dinheiro para a prefeituras, sei que teve muito dinheiro para o Estado, por que só está iniciando ou entregando as coisas em ano eleitoral? Para com isso, não é correto isso, não pode subestimar a população, a população desse Estado está acompanhando tudo isso.

O que você coloca Audifax Barcelos, é que o investimento público por parte do governo do Estado, é meramente um incentivo político para a base:

Tá claro, por que essas coisas só estão sendo feitas agora em ano eleitoral? Por que não foram feitas antes? Cadê o planejamento e a organização? Não pode subestimar a população. Aquilo que você pode entregar no primeiro ano, que entregue no primeiro ano, aquilo que você pode entregar no segundo ano, entregue no segundo e o que puder no terceiro, que entregue no terceiro. Não é fácil produzir resultados no setor público, se você não tiver equipe, organização, planejamento, cobrança, ser gestor de fato, as coisas só vão começar no último ano de Governo, no ano eleitoral, não façamos isso, quem perde com isso é a população.

Sobre Audifax Barcelos

Audifax Barcelos é economista, administrador e ex-prefeito da cidade de Serra. Já atuou como Deputado Federal e atual pré-candidato ao governo pelo Rede. Além de político é pai, esposo e evangélico.

Assista o vídeo da entrevista na íntegra.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -