domingo, 14 de agosto de 2022
21 C
Vitória

Adeus ao Mestre Terto: Os tambores de Congo do ES ficam mais tristes

Durante 64 anos Tertolino Balbino, mais conhecido como Mestre Terto, comandou o Ticumbi de São Benedito, mantendo viva essa tradição única do Norte do Espírito Santo. Mas, aos 88 anos, neste domingo (17), Mestre Terto saiu de cena da Cultura capixaba.

Experiente na arte da música, regendo como ninguém os tambores de ritimo grave, Mestre Tertolino foi um dos mais importantes mestres da cultura popular capixaba.

Para ele, manter viva a tradição do Ticumbi por mais de meio século no território quilombola foi o grande desafio da sua vida.  E foi essa devoção que o projetou para além das divisas do Espírito Santo, além de permitir novos diálogos e ressignificações, como nas apresentações conjuntas com a Orquestra Sinfônica do Espírito Santo (Oses), ocupando palcos antes inimagináveis para esses negros do norte capixaba.

Assumiu o comando do Ticumbi com apenas 21 anos, após a morte do Mestre Luiz Hilário, mostrando que o ofício de ser mestre não depende da idade, mas da capacidade e da liderança. Logo, assumiu o desafio de levar o grupo para representar o Espírito Santo no Congresso Internacional de Folclore em São Paulo, em 1954.

De lá prá, Mestre Tertolino acumulou experiências sonoras, encantando as diversas plateias que tiveram o privilégio de vê-lo em ação.

O velório ocorreu neste domingo na capela central de Conceição da Barra, com procissão até a comunidade de São Benedito. O enterro ocorreu ainda neste domingo.

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -