quarta-feira, 10 de agosto de 2022
24.4 C
Vitória

Elon Musk desiste de comprar o Twitter e retira oferta de US$ 44 bilhões

Elon Musk desistiu de comprar o Twitter. O bilionário comunicou a empresa nesta sexta-feira (8) a respeito de seu recuo nas negociações de compra. A oferta de US$$ 44 bilhões foi suspensa em maio porque o empresário não estava convencido sobre a transparência da plataforma em relação à sua base de usuários.

A manifestação de Musk veio na forma de uma carta assinada pelo advogado que representa o bilionário nas negociações. O documento foi enviado à SEC (sigla em inglês para Comissão de Valores Mobiliários), órgão regulador do mercado de ações dos Estados Unidos. “O Twitter não cumpriu com suas obrigações contratuais”, diz o comunicado.

Segundo levantamento do próprio Twitter entregue à Musk, a rede possuía cerca de 5% de contas consideradas “spam”, que podem ser perfis falsos ou bots. O percentual apresentado é contestado por especialistas, que consideram que o número pode ser muito maior.

Mike Ringler, advogado de Musk, disse que o Twitter ignorou diversos pedidos do seu representado para acessar dados de usuários ativos mensais da plataforma, ou seja, contas passíveis de monetização.

O acordo de intenção de compra assinado pelo empresário previa, no entanto, a não verificação desses dados durante as negociações. A multa para quebra contratual entre as partes é de US$ 1 bilhão a ser pago por Musk.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -