sábado, 25 de junho de 2022
21 C
Vitória

Trabalhador poderá usar recursos do FGTS para comprar ações da Eletrobras

De olho na possibilidade de os trabalhadores comprarem ações da Eletrobras (ELET3) com parte do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FTGS), após a privatização da companhia, as principais instituições financeiras já começaram a se movimentar.

Com o lançamento da oferta de venda de ações, que podem movimentar até R$ 35 bilhões, 19 fundos de 11 bancos já estão preparados para adquirir os papéis da estatal com recursos trabalhistas.

Sendo que dois deles darão acesso a ações da empresa para quem não quer o FGTS, segundo informações da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Os fundos miram investidores de varejo que queiram usar até 50% dos recursos que estão no FGTS para comprar ações da estatal ou para que migrem posições em Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3), adquiridas de privatização com recursos do fundo trabalhista, para ações da Eletrobras (ELET3).

Os fundos mútuos são compostos com os recursos de várias pessoas, geridos por um gestor profissional, com o objetivo de alcançar o melhor rendimento possível.

Esses fundos podem aplicar em diferentes classes de ativos. Os mais populares são os fundos de ações, renda fixa e multimercado.

As reservas de saldo poderão ser feitas nos próximos dias: a partir desta sexta-feira (3) e  no próximo dia 8 de junho, junto à instituição administradora escolhida e autorizada pelo trabalhador.

O valor mínimo para a aplicação é de R$ 200,00 por trabalhador, sendo possível utilizar até 50% do saldo disponível na conta do FGTS, segundo comunicado da Caixa.

Os investidores compram e vendem cotas do fundo a preços definidos ao final de cada dia de negociação.

Desvantagens

Ao mesmo tempo em que o fato do gestor ser responsável pela carteira do fundo é vantajoso, pois traz praticidade, também é desvantajoso, pois limita o investidor. Isso porque, como o gestor é o único responsável pelo portfólio, o investidor não pode participar de nenhuma decisão referente às aplicações.

Os fundos possuem uma meta de retorno e quando o gestor consegue ultrapassar a meta, é descontada a taxa de performance. Apesar desta taxa ser uma maneira de estimular o gestor a obter retornos altos, ela também funciona como um custo a mais para os investidores.

Vantagens

Uma das principais vantagens dos fundos mútuos é a diversificação da carteira de investimentos. Isso porque, através de algumas cotas, você já passa a fazer parte de um fundo com um portfólio composto de vários ativos.

Lembrando que a diversificação é importante, pois ela reduz os riscos e potencializa os retornos.

Outra importante vantagem é a praticidade, já que o responsável por escolher os ativos e aplicar o patrimônio do fundo é o gestor. É claro que você deve estar atento na performance do fundo e nos ativos que estão entrando ou saindo da carteira.

Entretanto, esse acompanhamento é muito mais fácil do que gerir sozinho uma carteira de investimentos.

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -