quinta-feira, 19 de maio de 2022
20.9 C
Vitória

Economia brasileira encolheu 0,99% em janeiro, diz BC em ‘prévia’ do PIB

O Índice de Atividade Econômica (IBC-Br) recuou 0,99% em janeiro deste ano na comparação com dezembro do ano passado. A informação é do Banco Central (BC) e foi divulgada nesta quinta-feira (17). O indicador é chamado de “prévia” do Produto Interno Bruto (PIB), e a queda foi identificada após ajuste sazonal, compensando diferenças entre os períodos analisados. Esse foi o pior desempenho desde março de 2021 (-1,67%).

A queda fez o indicador chegar a 138,48 pontos, menor patamar desde dezembro de 2020 (138,18 pontos). Já na comparação com janeiro de 2021, o IBC-Br registrou leve melhora (0,01%). O BC também observou resultado positivo (0,19%) em relação aos três meses anteriores somados e no acumulado em 12 meses (avanço de 4,73%).

O índice serve para medir a evolução da atividade econômica brasileira e incorpora dados de três setores: a indústria, o comércio – além de serviços e agropecuária – e o volume de impostos. Ele ajuda o BC nas decisões sobre taxa básica de juros (Selic) – definida em 11,75% ao ano (o maior nível em cinco anos) pelo banco nesta quarta (16), confirmando previsão de alta da taxa por economistas e especialistas do mercado.

Analistas de instituições financeiras preveem que a Selic continuará subindo nos próximos meses, chegando a 12,75% ao final do ano.

PIB e inflação

Soma de todos os bens e serviços produzidos no país, o PIB brasileiro registrou alta de 4,6% em 2021, alcançando R$ 8,7 trilhões, resultando em uma leve melhora em relação a 2020, que fechou em queda de 4,1% (R$ 7,4 trilhões) – o pior resultado da série iniciada em 1996 e interrompendo três anos seguidos de resultados positivos (1,3%, 1,8% e 1,4%).

E o Ministério da Economia, também nesta quinta, diminuiu em 0,6% a previsão de crescimento do PIB para 2022. A estimativa que antes era de 2,1% está agora em 1,5%. Já para 2023, a projeção permanece em 2,5%.

Se a projeção do PIB recua, a da inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), sobe e deverá dar trégua. A pasta elevou a expectativa de 4,7% para 6,55%.

Influências

A baixa na prévia do IBC-Br surge num momento de desaceleração da economia que, ainda tentando se reerguer do tombo mundial provocado pela pandemia do novo coronavírus, é afetada pela alta inflação e a taxa básica de juros, enquanto corre a guerra na Ucrânia que afeta toda a atividade mundial.

Neste cenário, o mercado financeiro calcula alta de 0,49% para a economia brasileira em 2022, uma importante queda em relação ao crescimento apresentado no ano passado, bem abaixo da projeção do governo federal.

Ao longo da semana, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou dados dos principais setores da atividade econômica nacional. Os balanços já davam sinais da desaceleração identificada pelo BC nesta quinta.

Por exemplo, o setor de serviços, responsável por mais de 70% do PIB, recuou 0,1% em janeiro, encerrando encerrando dois meses de alta. Já a indústria, atingida pela perda de dinamismo e por uma queda em diversos de seus segmentos no período, encolheu 2,4% na comparação com dezembro do ano passado, quando avançou 2,9%.

Em resumo, economistas enxergam os dados expostos como resultado de fortes impactos causados pelo aumento dos juros e da inflação. Ambos freiam as atividades econômicas nacionais, mantendo empresas e consumidores receosos, contidos.

A situação tende a piorar também pelo mundo. A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) prevê que a guerra da Rússia com a Ucrânia vai fazer com que famílias ao redor do globo sintam no bolso os ecos do conflito armado, que vão atingir fortemente também os negócios.

De acordo com projeções da OCDE, o combate vai provocar uma queda de 1 ponto percentual (p.p.) no PIB mundial e um aumento de 2,5 p.p. na inflação no ano imediatamente posterior ao seu início – ocorrido há 22 dias –, caso persistam as agitações nos preços das commodities e nos mercados financeiros.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -