quarta-feira, 10 de agosto de 2022
24.4 C
Vitória

Coronavírus: ES recebe 59 mil doses da vacina Janssen nesta quarta-feira (16)

Estão previstas para chegar ao solo espírito-santense cerca de 59 mil doses da vacina Janssen contra o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo secretário de Saúde do Estado, Nésio Fernandes, durante coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (14).

A princípio, o lote deveria ser entregue na terça-feira (15), mas foi adiado. O novo prazo informado pelo Ministério da Saúde é de que as doses estejam disponíveis na quarta-feira (16).

As vacinas serão aplicadas em dois dias nos quatro municípios de maior número populacional do Espírito Santo: Cariacica, Vila Velha, Vitória e Serra.

O imunizante, composto por uma dose única, é fabricado pela Johnson & Johnson e tem eficácia global de 72%. Em relação ao agravamento do quadro clínico, essa taxa é de 85%.

Outros pontos tratados na coletiva de imprensa

  • A média móvel de casos de coronavírus, óbitos e internações está diminuindo graças ao avanço da imunização. O Espírito Santo é o terceiro Estado do país que mais vacinou as pessoas. “Ainda não vencemos a pandemia, mas abrimos uma etapa de esperança na luta contra a Covid-19”, afirmou Nésio Fernandes;
  • A vacinação dos caminhoneiros, trabalhadores da indústria, aquaviários, limpeza pública e detentos ocorrerá por meio de parcerias para alavancar a aplicação das doses;
  • A vacinação em Viana segue até sábado (19) para pessoas do público em geral entre 18 e 49 anos. “Esperamos reduzir em até 60% a reincidência de casos no município. E Viana deve ser a primeira cidade do Estado com imunização coletiva”, declarou Luiz Carlos Reblin, subsecretário em vigilância de saúde.
  • Os idosos precisam comparecer para tomar a segunda dose do imunizante, pois o solo capixaba enfrenta baixa adesão, desconsiderando aqueles que aguardam a chegada da CoronaVac e os que estão fora do intervalo adequado;
  • Na quinta-feira (17), começam os testes rápidos no aeroporto de Vitória e na sexta-feira (18), no Terminal de Jardim América, em Cariacica. “Precisamos monitorar locais com grandes movimentações de pessoas para identificar potenciais novas variantes, tanto para quem chega por vias aéreas, quanto por rodoviárias. Na semana que vem, outros 3 terminais do sistema Transcol também terão postos de testes contra a Covi-19. A meta é que todos possam oferecer o serviço. É um teste durante 90 dias e o atendimento é por demanda espontânea”, disse Luiz Carlos Reblin.
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -