sábado, 21 de maio de 2022
23.9 C
Vitória

Quarta-feira de cinzas: veja os reflexos da chuva em Vitória

Ventanias e trovoadas ocasionaram alagamentos, quedas de árvores e desabamentos na Capital

Tradicionalmente, a quarta-feira de cinzas do capixaba é marcada por chuva. Mas em 2021, ela ainda veio acompanhada de fortes ventanias e trovoadas, que ocasionaram alagamentos, quedas de árvores e desabamentos em algumas regiões do Espírito Santo.

Em Vitória, nas avenidas Cezar Hilal e Maruípe, e na rua Padre Antônio Ribeiro, há registros de intensos pontos de alagamentos que atrapalham, inclusive, a passagem de veículos pelo local.

Na Reta do Aeroporto, uma árvore caiu na via e o trânsito foi interrompido na noite desta quarta-feira (17).

Queda de árvore na antiga Reta do Aeroporto, em Vitória. Foto: Reprodução

Em outro parte da Capital, na Vila Rubim, uma árvore também causou estragos em barracas de verduras. Não há informações sobre feridos.

Na Avenida Rio Branco, o tombamento de outra árvore impede o fluxo de pessoas e veículos no sentido Centro. A Guarda foi direcionada para orientar o trânsito.

Na rua Constante Sodré, em Santa Lúcia, a pista no sentido Leitão da Silva está interditada.

Acionada pela reportagem, a Defesa Civil disse que está atendendo diversas ocorrências na Capital e que agentes estão no Hospital Santa Rita, em Maruípe, após a queda do detalhado de um dos prédios da Instituição.

No bairro Conquista, houve desabamento parcial de uma residência. Ainda não há informações sobre vítimas.

Bairros sem energia elétrica

A chuva, os ventos e os trovões também acarretaram queda da energia elétrica em bairros de Vitória, como Bento Ferreira e Praia do Suá.

A EDP informou que equipes técnicas estão trabalhando nesses locais para que o fornecimento seja restabelecido.

“Além das descargas atmosféricas, a rede elétrica das regiões sofreram com a queda de árvores, telhas e placas sobre a fiação, que avarias em transformadores, além do rompimento de cabos”, diz a nota.

Em Bento Ferreira, a situação já está normalizada.

A distribuidora orienta que a comunidade não se aproxime dos cabos que, por conta da chuva, estão caídos.

 

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -