quarta-feira, 18 de maio de 2022
22.9 C
Vitória

Sedu abre processo seletivo para cuidador de estudantes com necessidades especiais

No mês de fevereiro, teve início o ano letivo nas escolas estaduais. Entre as inúmeras adequações necessárias às escolas -principalmente no contexto da pandemia –  está também a contratação de profissionais da Educação para auxiliar os estundantes em sala de aula com demandas especiais. Por isso, na quinta-feira (10), foi aberto um processo seletivo simplificado para a contratação temporária de cuidadores para atuar na Rede Escolar Estadual do Espírito Santo.

As inscrições podem ser realizadas até dia 17 de fevereiro, pelo site: https://selecao.es.gov.br. O salário ofertado para os selecionados ao cargo de cuidador pode chegar a R$ 1.275. Os aprovados no processo devem contribuir nas escolas como cuidadores de adolescentes e estudantes com deficiência e/ou Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD).

De acordo com o edital, os requisitos para se candidatar no processo seletivo são:.
curso de cuidador ou de prestação de assistência à Pessoa com Deficiência, com carga horária mínima de 80h e certificado de conclusão, histórico ou diploma de curso de nível médio, expedido por instituição de ensino regularizada pelo órgão do sistema de ensino (Ministério da Educação ou Municipal de Educação ou Conselho Estadual, Municipal de Educação, Secretarias ou Conselhos Estaduais de Educação).

O cargo corresponde a duas cargas horárias, sendo uma integral com 40 horas semanais e parcial, 30 horas por semana. A primeira tem a remuneração de R$ 1.212 e o auxílio alimentação de R$ 225. A segunda, R$ 1.275,57 com uma ajuda alimentar no valor de R$ 300.

A assessoria da Secretaria de Estado da Educação (Sedu) listou algumas atribuições do cuidador de adolescente e estudantes com deficiência e/ou Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD). Confira a seguir:

  • Auxiliar nos cuidados e hábitos de higiene;
  • Estimular e ajudar na alimentação e na constituição de hábitos alimentares;
  • Auxiliar na locomoção, realizando mudanças de posição para maior conforto do estudante, dentro ou fora da sala de aula;
  • Manter interlocução com os professores da classe comum, visando atender ao estudante em situações que demandam a movimentação da turma, comunicar à equipe da escola sobre quaisquer alterações de comportamento do estudante para que possam ser observados;
  • Acompanhar outras situações que se fizerem necessárias para a realização das atividades cotidianas do estudante com deficiência e/ou TGD durante a permanência na escola e atuação em todas as atividades escolares necessárias, em todos os níveis e modalidades de ensino.

O processo seletivo será dividido em duas etapas. A 1ª etapa consiste na inscrição e declaração de títulos, de caráter classificatório, que acontecerá de forma online. A 2ª etapa é a chamada, comprovação de títulos e a formalização do contrato de trabalho, que será presencial.

Entenda o que é o Transtorno Global de Desenvolvimento (TGD)

O Transtorno Global de Desenvolvimento (TGD), geralmente é identificado antes dos cinco anos de idade ou na vida adulta. Ele reúne um grupo de 5 condições mentais, de personalidade e comportamentais que determinam problemas e dificuldades de comunicação e comportamento nas pessoas portadoras.

Confira as cinco condições que fazem parte do Transtorno Global de Desenvolvimento (TGD):

  • Transtorno do espectro autista – comprometimento do comportamento social, na comunicação e linguagem;
  • Síndrome de Rett,- uma característica é o atraso no desenvolvimento da criança desde o primeiro ano de vida;
  • Psicose Infantil – corresponde a delírios e alucinações na infância;
  • Síndrome de Asperger – um estágio do espectro autista;
  • Síndrome de Kanner – estágio severo do autismo.
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -