Especialista fala sobre mitos e verdades sobre a saúde dos gatos

0

Gatos são figuras emblemáticas que conquistaram seu espaço na história e nos lares ao longo do tempo. Atualmente, eles já são mais de 25 milhões no Brasil e há uma estimativa de que, até 2030, eles se tornem 41,6 milhões. No entanto, ainda há muitos mitos e verdades que permeiam o universo felino.

A médica veterinária especializada em medicina felina e oncologia, Erica Baffa, selecionou uma série de curiosidades sobre a espécie a serem desvendadas, que podem ajudar a tornar o bem-estar e a saúde do seu gatinho muito melhor. Confira!

Gatos brancos são todos surdos. Mito! Não são todos, mas estima-se que 70% dos felinos com essa cor de pelagem tenha problemas auditivos. Essa surdez é explicada pela presença do alelo dominante W, que produzirá um felino totalmente branco e com grande chance de nascer surdo. Estudos garantem que a probabilidade de gatos brancos terem surdez é de 65% a 85% quando com dois olhos azuis; de 30% a 40% com heterocromia, no qual um olho é azul e o outro é de cor diferente; e de 17% a 22% sem olhos azuis. Os felinos de pelo longo têm ainda maior incidência de olhos azuis e surdez que os de pelo curto.

Felinos são emocionalmente independentes. Mito! Apesar de serem predadores solitários, ou seja, manterem o instinto da caça individual, gatos são animais muito sociais e que gostam de viver em grupo. Apesar de não dependerem tanto dos tutores para as atividades básicas, eles precisam de estímulo mental e exercício, apreciam companhia, brincadeiras e, assim como os humanos, podem ter personalidades mais reservadas ou muito carinhosas.

Gatos são propensos a desenvolver problemas urinários. Verdade! Os felinos podem desenvolver uma variedade de problemas urinários, incluindo infecções e cálculos renais. Fatores como dieta, hidratação e estresse podem influenciar a saúde do sistema urinário do pet.

Sachê faz mal para os felinos. Mito! O alimento, na verdade, traz diversos benefícios para a saúde da espécie, que costuma enfrentar problemas relacionados à falta de hidratação. Rico em nutrientes, possui 80% de água em sua composição, atuando como um importante recurso para ajudar os gatos a ingerirem a quantidade necessária de líquido, prevenindo o desenvolvimento de doenças renais e urinárias.

O chocolate é um alimento tóxico para os gatos. Verdade! O chocolate possui uma substância tóxica chamada teobromina, que apesar de ser facilmente metabolizada no organismo humano, não pode ser digerida no organismo do felino. Com o acúmulo desse componente no organismo do animal, gera intoxicação.

Gatos devem beber leite. Mito! Apesar dos desenhos animados constantemente retratarem a cena de felinos tomando leite em potes, na vida real, a recomendação é outra. Gatos devem beber somente água para garantir a sua hidratação. Além, claro, da administração de alimentos úmidos que também ajudam na hidratação. Então fique atento. Existe a possibilidade de intolerância a lactose em alguns gatos, e por isso o consumo de produtos lácteos não é indico pois pode provocar diarreia, vômito e outros desconfortos abdominais nos gatinhos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui