terça-feira, 18 de junho de 2024
24.9 C
Vitória

Violência contra a mulher: é necessário denunciar

Quando se fala em violência contra a mulher é necessário entender que antes de qualquer agressividade, o homem vai dar alguns sinais: querer regular qual roupa a mulher deve usar, para onde e com quem sai. Esses sentimentos de posse são os primeiros alertas aos quais a mulher deve estar atenta.

De acordo com a delegada Michelle Meira, muitas vezes a vítima sofre abuso e nem sabe da situação que está passando, por isso, é necessário estar atento. “Esse sentimento de posse, de querer controlar os passos, são sinais que a vítima deve estar sempre de olho”, explica.

Ainda tem o homem que erra, a mulher se separa, e de repente ele volta afirmando que vai mudar de comportamento. Em pouco tempo ele volta a ficar agressivo. Este, é um cenário mais comum do que se imagina, de acordo com Michelle.

Em toda a Grande Vitória existem delegacias especializadas em atendimento às vítimas de violência contra mulher. Na capital Vitória existe o Plantão Especializado da Mulher o PEM, que funciona 24 horas.

É necessário denunciar

Briga de marido e mulher se mete a colher sim. É uma situação complicada, procurar intervir em uma briga de casal, afinal, o homem já está descontrolado e para cometer algum crime contra quem não tem nada a ver com a situação, pouco custa.

Se você ver qualquer briga onde uma mulher está sendo ameaçada, agredida, ou abusada, ligue imediatamento para o 190, ou o 180.

O Espírito Santo possui alguns programas para homens que cometem agressões, ou já foram presos pela Lei Maria da Penha. Trata-se do homem que é homem.

Os autores de violência contra a mulher participam de um ciclo de encontros nos quais são debatidos temas voltados para desconstrução de ideias sexistas e machistas, estimulando formas pacíficas de lidar com os conflitos. Os encontros são conduzidos por equipe psicossocial da Polícia Civil.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp! Basta clicar aqui

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Relacionados

- Publicidade -