sábado, 24 de fevereiro de 2024
26.6 C
Vitória

É difícil ser mulher! Casos de importunação sexual crescem no ES; um suspeito foi preso nesta segunda-feira (28)

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de assediar várias mulheres na Grande Vitória. Matheus dos Santos Vasconcellos, 25 anos confessou os crimes. Um dos casos aconteceu na última quinta-feira (23). Matheus foi flagrado por câmeras de segurança de uma das ruas do Bairro República, em Vitória.

Polícia prende suspeito de importunação sexual que ocorreu no bairro República

Na ocasião, a vítima, uma assistente social, passeava com cachorro, quando Matheus se aproxima de bicicleta e encosta nos glúteos da mulher. No último sábado (26), após a repercussão do caso, o suspeito se apresentou à delegacia, mas foi liberado, por não existir mais flagrantes.

Mas outras mulheres reconheceram Matheus por cometer o mesmo crime com outras mulheres. Diante disto, policiais da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) localizaram e prenderam o homem na casa da mãe, em Balneário Carapebus, Serra. Matheus vai ser indiciado por importunação sexual.

Momento que Matheus importuna mulher em Bairro República. Suspeito foi preso.

É difícil ser mulher

Casos de abusos, assédios e importunação não são novidades. As mulheres se sentem vulneráveis andando sozinhas.

Conversamos com uma mulher que passou por uma situação semelhante, dentro de um ônibus. A vítima, uma publicitária de 43 anos que não quis se identificar contou que voltava para casa, depois de um dia cansativo de trabalho quando percebeu que um homem estava atrás dela: “O ônibus nem estava tão cheio. Tinham outros lugares para ele ficar, mas parou exatamente atrás de mim. Eu já estava incomodada, até que tocou nas minhas nádegas. Eu fiquei gelada, e não tive outra reação a não ser descer do ônibus. Fiquei tão nervosa que fiquei sem saber o que fazer”, contou a vítima.

“Fui para casa chorar. Me senti um lixo e não sabia o que falar para minhas duas filhas. Ser mulher é muito difícil”.

Casos de importunação no ES assustam

Andar de ônibus lotado é uma batalha dura para mulheres. Dados da Secretaria Estadual de Segurança Publica, (SESP), indicam que houve um aumento de 55% neste tipo de crime, nos seis primeiros meses deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado.

De janeiro a junho de 2022 foram 9 casos registrados. Já este ano chegou a 14, o número de mulheres importunadas dentro de coletivos. A importunação sexual pode render de 1 a 5 anos de prisão.

A Polícia Militar (PM) realiza uma série de ações nos coletivos da Grande Vitória. E se você perceber qualquer situação semelhante, ligue para o 180, ou 190. A ligação é gratuita e você não precisa se identificar.

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp! Basta clicar aqui

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Relacionados

- Publicidade -