segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024
28.3 C
Vitória

Fila do SUS tem mais de 22 mil pessoas à espera de cirurgias eletivas no ES

O Espírito Santo tem 22.905 pessoas à espera de cirurgias eletivas do SUS. Os dados são do Ministério da Saúde. No Brasil, mais de 566 mil pessoas estão na fila em 16 estados (contando o ES) e no Distrito Federal. O número aparece no relatório mais recente da pasta sobre o andamento de um novo programa do governo federal, que pretende repassar recursos para reduzir a espera por cirurgias, exames e consultas na rede pública de saúde.

Pelas regras do programa, cada estado deverá apresentar suas demandas ao ministério, com detalhamento sobre a quantidade de pessoas na fila e os procedimentos cirúrgicos mais aguardados.

Até o dia 27 de abril, o Ministério da Saúde tinha aprovado os planos de 17 unidades da federação: Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima e Santa Catarina.

  • No total, o tamanho da fila declarada por esses estados foi de 566.923 pessoas.
  • Dessas, 256.215 cirurgias serão realizadas por meio do programa do governo federal.
  • De acordo com o ministério, a redução da fila declarada até agora será de 45,2%.

Ainda faltam informações sobre a espera por cirurgias eletivas no SUS em 10 estados: oito elaboram os planos para enviar ao Ministério da Saúde e dois aguardam a análise da pasta, de acordo com os dados mais atuais.

Nesta quinta-feira (27), durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), o diretor de programa da mesma secretaria, Aristides Vitorino De Oliveira Neto, afirmou que o caminho para a redução das filas do SUS “é longo”.

“A gente sabe que [a fila] é ainda maior [que 566 mil]. Existe um esforço para a gente conseguir captar a totalidade desta fila em todo o território nacional, em parceria com os estados e municípios”, disse.

“O percurso para que a gente atinja os objetivos é longo, mas a gente está trilhando, asfaltando essa estrada, para que a gente consiga chegar lá”, afirmou ainda o representante do Ministério da Saúde.

Foto: Divulgação/Governo do ES

Ranking dos procedimentos com mais demanda

No ranking dos 10 principais procedimentos cirúrgicos com maior demanda até agora e que serão realizados, em parte, pelo programa do governo federal, também estão:

  • colecistectomia (retirada da vesícula biliar);
  • hernioplastias (tratamento de hérnia em diferentes partes do corpo);
  • histerectomia (remoção do útero);
  • hemorroidectomia (remoção das hemorroidas).

Os dados podem mudar à medida que os estados enviem ao governo federal as informações sobre as filas e procedimentos mais represados.

*Com informações do Ministério da Saúde e portal G1

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp! Basta clicar aqui.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Relacionados

- Publicidade -