quinta-feira, 11 de agosto de 2022
22.7 C
Vitória

Alunos da Ufes protestam contra o corte de verbas de bolsas de pesquisa e extensão

Os alunos da Universidade Federal do Espirito Santo (Ufes) se mobilizaram nesta quarta-feira (6) contra o corte de verbas que prejudicou diversos fatores dentro da universidade pública, incluindo o financiamento das bolsas de pesquisa e extensão.

O ato foi nomeado “Ocupa Campos Goiabeiras” e teve programação ao longo de todo o dia, desde as 8h da manhã até às 18h30 com show de encerramento.

Professores e coordenadores de curso deram palestras e mobilizaram roda de conversas voltadas às universidades publicas e ao corte de gastos. O ato contou com abordagem na rua para apresentar os motivos da mobilização, além de panfletagem dentro e fora do campus.

Além disso, a tradicional quadrilha julina, a “anti-quadrilha de Bolsonaro” aconteceu em frente ao restaurante universitário e agitou o almoço dos estudantes.

Poesias, shows, oficinas de cartazes e filmes fizeram parte da programação para a manifestação e ocorreram em todo o campus da universidade da capital, os espaços de todas as cantinas foram utilizados para realizarem as aulas públicas e as rodas de conversas.

Alunos reunidos no centro de artes. Reprodução do Instagram Adufes

Os bate-papos tem como tema “A farsa do Reuni digital e o desmonte das universidades públicas” até “Características e particularidades do capitalismo contemporâneo e suas crises” serviram de pautas para as discussões das turmas.

A manifestação se encerra em frente ao Teatro Universitário da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) com a apresentação do cantor e compositor capixaba André Prando.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -