quinta-feira, 19 de maio de 2022
16.9 C
Vitória

Novo nome e 158 km de diferença: empresa que vendeu álcool em gel ao ES altera dados e levanta suspeita

Empresa fluminense envolvida na venda de álcool em gel ao Espírito Santo, investigada pela Polícia Federal (PF) por irregularidades, a Tantum Soluções mudou de nome e endereço. Passou a se chamar Neural Investments, saiu de São Fidélis e tem sede agora em Macaé, municípios no Norte do Rio de Janeiro, mas separados por aproximadamente 158 km de distância.

Confira: PF deflagra operação que investiga suposta compra irregular de álcool em gel pela Sesa

As mudanças levantaram suspeita dos investigadores que participam da Operação Volátil. O CNPJ, no entanto, permaneceu o mesmo. A nova localização da empresa é a Avenida Atlântica, no bairro Cavaleiros, número 1788, no apartamento 602A.

Em mecanismos de buscas, é possível identificar um condomínio residencial, de frente para o mar, o que indica incompatibilidade com as atividades às quais a Neural Investments atua, que vão muito além do comércio de itens de higiene. Para se ter ideia, a descrição de atividade principal da empresa no Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral no portal eletrônico da Receita Federal, é de Montagem e instalação de sistemas e equipamentos de iluminação e sinalização em vias públicas, portos e aeroportos.

Leia também: Por R$ 6,36 milhões, Governo compra álcool em gel do RJ sem justificativas de preço; valor está acima do encontrado no ES

A imobiliária responsável pelo edifício Rio Imóveis Prime, em divulgação no próprio site, divulga que o número do endereço é o mesmo. Contudo, em contato por telefone, a Rio Imóveis Prime informou que o imóvel possui o número 1789.

O caso

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) realizou a aquisição dos produtos de higiene, entre os meses de março e maio, com recursos de verba federal destinada para o combate à Covid-19. O valor das compras chegou a R$ 6,36 milhões, por 400 mil frascos de 500 ml, por R$ 15,90. A diferença no custo, comparado a outras compras feitas na mesma época, chega a quase 300%.

Na última segunda-feira (7), a Polícia Federal deflagrou a Operação Volátil, quando foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão em residências e empresas localizadas em Vitória, Vila Velha, São Fidélis e Macaé.

- Publicidade -

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -