quarta-feira, 29 de junho de 2022
16 C
Vitória

Dia dos Namorados

Caro leitor (a), dia 12 de junho comemora-se o Dia dos Namorados, ufa, até
que enfim. Após dois anos de pandemia poderemos comemorar esta data
especial, e, a coluna, jamais deixaria de sugerir um vinho para os casais
apaixonados. Todos os cuidados com higienização pessoal e utensílios
são necessários. Isso é algo que devemos adotar para uma vida toda e não apenas
durante tempos difíceis como atravessamos nos últimos dois anos.

Como sempre fizemos também em 2022, indicaremos um vinho que é sinônimo de
comemoração, alegria e muito festejo: o espumante, prosseco, cava ou
champanhe, como é conhecido em vários países do velho e do novo mundo, o
vinho branco de dupla fermentação e perlage contínua – do francês perle, que
significa pérola –, pequenas borbulhas que em grande quantidade é um
excelente indicativo de qualidade deste tipo de bebida.

Então, jamais deixe de homenagear, comemorar com sua namorada (o) neste
dia especial. Desta vez indicaremos vários espumantes que temos certeza
agradará uns cem números de apreciadores da bebida do deus Baco e
Dionísio. No Brasil há excelentes produtores de espumantes que já participaram de
degustações às cegas em importantes concursos, tendo, inclusive recebido
merecidas premiações no país e no exterior.

É o caso da Chandon, que em 2021 conquistou vários prêmios nas mais
respeitadas competições nacionais e internacionais. A Salton, por exemplo, a
mais antiga do Brasil, em 2021 foi premiada em importantes concursos como é
o caso do Concours Mondial de Bruxelles.

Em maio do mesmo ano, a vinícola brasileira conquistou 18 premiações no Sommeliers Choice Awards, concurso realizado em San Francisco, na Califórnia, Estados Unidos. Em abril foi reconhecida na prestigiada competição International Wine Challenge, no Reino
Unido, com duas medalhas como a vinícola mais antiga em atividade no Brasil.

Temos ainda as vinícolas Perini e a Valduga que além de produzirem
excelentes tintos também se dedicam e se esmeram na produção de bons
espumantes. O leitor terá muitas boas e excelentes opções na faixa de 70 a
130 reais para investir em espumantes brasileiros de qualidade.

Mas, se o leitor (a) quiser investir um pouco mais, ou seja, bem mais, poderá
contar com uma variedade de espumantes e champanhes de qualidade, como
é o caso do champanhe Dom Pérignon safra 2010, embora esta safra esteja
magnífica, todas as outras são excelentes.

Nota-se que o espumante é produzido para ser degustado ainda jovem, a exceção fica para alguns champanhes produzidos para envelhecer, nestes casos, a informação da safra aparece em seu rótulo. Lembrando que a temperatura de serviço para este tipo de vinho é entre 9ºC e 12ºC. O champanhe é um vinho branco gaseificado e o
único que se harmoniza com qualquer prato, tanto doce quanto salgado.

Caso o leitor não queira investir no champanhe Dom Pérignon safra 2010, há
no mercado brasileiro uma série de bons e excelentes champanhes, aliás,
somos referência na produção do famoso vinho branco gaseificado, conforme
indicações acima que cabe perfeitamente no orçamento de qualquer apreciador
de vinhos.

Então brinde, celebre, comemore com sua amada (o).

Feliz Dia dos Namorados 2022.
Santé!

- Publicidade -

2 COMENTÁRIOS

  1. Obrigado Patricia pelo comentário.
    Que bom que a coluna contribuiu para a sua escolha do espumante nessa data comemorativa.
    Até breve!
    Paulo Angelo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -