quarta-feira, 18 de maio de 2022
21.9 C
Vitória

Torta Capixaba, tradicional prato da nossa culinária!

Sexta-feira Santa, dia de jejuar. Alias, na quaresma os cristãos se abstêm de pratos de carne vermelha, por este motivo a Torta Capixaba, tradicional prato da nossa culinária na Semana Santa é também a principal iguaria na mesa dos capixabas e nos restaurantes nesta época do ano. Há dois tipos de Torta Capixaba: uma, a base de bacalhau, e a outra, de frutos do mar, tais como caranguejo, siri, ostra, sururu, peixe e camarão. O interessante que qualquer uma das duas se pode harmonizar com vinho branco ou tinto, devido aos seus temperos que são muito condimentados, mas, a sugestão da coluna será um vinho branco.

Para harmonizar esse delicioso, saboroso e tradicional prato da nossa culinária, indicarei dois vinhos brancos europeus: um originário da Borgonha, região francesa produtora de excelentes vinhos da uva Chardonnay e o outro da região do Alentejo, centro-sul de Portugal, responsável pela produção de um vinho icônico, tanto, em Portugal como no resto do mundo.

E para não nos estendermos muito, vamos citar os vinhos que temos a certeza que irão harmonizar perfeitamente com a nossa Torta Capixaba. Afinal há uma variedade muito grande de bons, excelentes produtores vitivinícolas nessas regiões que será o assunto para a próxima coluna.

Quando se fala em vinho branco de qualidade estamos falando de Chablis. O nome da uva Chardonnay, não aparece no rótulo, aliás já falamos em coluna anterior sobre este tema de como se faz a leitura de um rótulo de vinho Francês. Chablis é uma sub-região da Borgonha e não o nome da uva. Portanto, no rótulo estão as informações: Chablis, Grand Cru ou Premier Cru; Domaine (produtor); ano da colheita (safra); e por último no rodapé do rotulo principal o teor alcoólico e a capacidade em volume. O Domaine William Fèvre é o mais importante de Chablis não apenas por sua área cultivada, mas também pelo fato de possuir vinhedos de qualidade superior. De cor branco-pérola, taninos marcantes, mas aveludados, teor alcoólicos de 13% por volume. Em se tratando de um Chablis , encorpado e aromático, melhor consumir na temperatura entre 12 °C e 13°C.

Na região Centro-sul de Portugal, a cerca de 100Km da Capital Lisboa, se situa a cidade de Évora, capital do Alentejo. Aliás, excelente destino turístico, gastronômico e vitivinícola. Nessa abençoada região, onde há castelos medievais, igrejas e presença arquitetônica romana, é onde se produz um dos vinhos ícones de Portugal e do mundo, o Pêra-Manca. Produzido pela vinícola Cartuxa, mantida pela Fundação Eugénio de Almeida, com um corte das uvas Antão Vaz e Arinto, ambas brancas, genuinamente portuguesas. Estágio de 12 meses em barricas novas de carvalho francês.

Harmonização ideal para ser apreciado com pratos de carne branca como aves e lombos, e também com frutos do mar, peixes e queijos suaves. Teor alcoólico 13% por volume. Temperatura de serviço é entre 12°C e 13°C. O ideal é abrir a garrafa e deixar descansar por cerca de 30 minutos antes de servir.

Como a Torta Capixaba é um prato tradicional da nossa culinária e fartamente servido na Semana Santa, ou seja, uma vez por ano, a coluna sugere ao leitor investir um pouco mais no almoço do domingo de Páscoa e degustar um dos vinhos citados, o Chablis William Fèvre ou Pêra-Manca branco.

Até a próxima semana. Evite o consumo excessivo de álcool e se beber não dirija.

Feliz Páscoa!

- Publicidade -

5 COMENTÁRIOS

  1. Obrigado Alessandra pela leitura e comentário.
    A Torta Capixaba é uma das muitas iguarias da culinária capixaba e com certeza harmoniza perfeitamente com os vinhos sugeridos na coluna.
    Paulo Angelo.

  2. Josy, justamente estes comentários que me incentivam a estudar e aprender mais e mais sobre a bebida do deus Baco e Dionísio para poder escrever e passar um pouco do meu aprendizado para vocês leitores.
    Obrigado pelo carinho.
    Paulo Angelo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -