quarta-feira, 18 de maio de 2022
24.9 C
Vitória

Avenida Rio Branco, na Praia do Canto, terá ciclovia a partir de 2023

Após longas conversas com os moradores, comerciantes e representantes da região da Praia do Canto, a ciclovia na Avenida Rio Branco sairá do papel. O trecho que passará por reurbanização começa na Reta da Penha e vai até a Ponte Ayrton Senna. A previsão de entrega das obras é para o primeiro semestre de 2023. O investimento previsto é de R$3,7 milhões de reais. 

Para o projeto ser aprovado pela população foram necessárias diversas audiências públicas, convocadas pela Comissão de Mobilidade Urbana da Câmara Municipal de Vitória (CMV), chefiada pelo vereador Armandinho Fontoura (Podemos). Segundo o vereador, o projeto foi construído em concordância com a população nas reuniões. O parlamentar municipal defende a realização da obra junto ao Executivo Municipal. 

“Na primeira audiência pública apresentamos à população o projeto e ficaram algumas dúvidas dos moradores, que levamos para a Comissão. O projeto faz lembrar bem a avenida Faria Lima, em São Paulo. Na segunda audiência, foi algo inédito, a sociedade escolheu votação direta, e, por unanimidade, a comunidade aprovou o projeto”, relata.

Foram necessárias diversas audiências públicas, convocadas pela Comissão de Mobilidade Urbana da Câmara Municipal de Vitória (CMV), chefiada pelo vereador Armandinho Fontoura (Podemos). Foto: Divulgação

Essa batalha do vereador Armandinho, para colocar em prática as obras de reurbanização da Avenida Rio Branco, vem desde a gestão passada. No entanto, sempre a solicitação ficava parada. Agora, o parlamentar conseguiu emplacar o projeto dentro dos investimentos que o Executivo vem fazendo. 

“Além da conquista da sociedade, eu me orgulho da paternidade como agente público, e estarei fiscalizando a todo momento essa obra. Foi um pedido do meu mandato para ser incluído no Plano de Desenvolvimento a ciclovia, que receberá cerca de R$3,7 milhões de investimentos”, exclama.

O edital foi lançado no mês passado na sede da Prefeitura Municipal de Vitória (PMV), com a presença de diversas autoridades municipais, moradores e comerciantes do bairro beneficiado.

A obra vai se conectar ao anel cicloviário da cidade: a ciclovia dá acesso à Ponte Ayrton Senna, Praia de Camburi, Santa Lúcia e Leitão da Silva. O vereador Armandinho pontua os aspectos positivos que a ligação dessas ciclovias traz para a sociedade capixaba e turistas.

“ É uma tendência global as pessoas utilizarem bicicletas e afins para ir trabalhar e atividades de lazer. A qualidade de vida e mobilidade urbana ganham com esse passo que estamos dando”, explica.

Histórico

Esse projeto de reurbanização é debatido entre Executivo e moradores da região desde 2013. Em 2019, a prefeitura apresentou um plano de construção que, no entanto, terminava com 92 vagas de estacionamento ao longo de toda a avenida. A proposta foi recusada, e com isso o engenheiro e especialista em mobilidade urbana, Luiz Carlos Menezes, redesenhou o projeto fazendo com que a ciclovia ocupasse os canteiros centrais, mantendo todas as 174 vagas ao longo de toda a avenida.  

Foram tantas conversas e tratativas que a obra vem sendo nomeada com um apelido carinhoso por todos os envolvidos’. “A ciclovia da Rio Branco é a´Ciclovia do Diálogo´, ela não é só da Praia do Canto, mas de toda a cidade. Isso demonstra o nosso compromisso de reconectar a cidade de Vitória à sua população e de fazer novamente a gestão municipal ser protagonista. Infelizmente, em um passado recente, a Prefeitura deixou de ter esse protagonismo, por se fechar à sociedade”, disse Pazolini.  

Mudanças com o projeto
  • Extensão cerca de 1km (ponte Ayrton Senna e Bairro Santa Lúcia);
  • Ciclovia no canteiro central, manutenção das árvores e vagas de estacionamento;
  • Iluminação no canteiro central entre as árvores e gradil para proteção dos ciclistas;
  • Pista de rolagem de veículos com 3,0 m, 2,9 m respectivamente e estacionamento com 2 m;
  • Ciclovia será executada em concreto e será feita a instalação de piso drenante no entorno das árvores;
  • A sinalização horizontal será em pintura e vertical com placas e semáforos exclusivos para os ciclistas e pedestres.
Confira as imagens do projeto
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Relacionados

- Publicidade -