Barcelona anuncia saída de Lionel Messi

De acordo com comunicado oficial do clube divulgado nesta quinta (5), argentino deixa o clube catalão após 21 anos "devido a obstáculos econômicos e estruturais"

 Barcelona anuncia saída de Lionel Messi

Foto: Reprodução/Twitter/@FCBarcelona_es

O mundo do futebol encara, enfim, o inevitável. Lionel Messi deixará o Barcelona. O time catalão anunciou que o craque argentino não vestirá mais a camisa azul-grená, cores que defendeu por 21 anos, desde as divisões de base. O atual contrato entre as partes se encerrou no dia 30 de junho deste ano e um novo vínculo foi descartado “devido a obstáculos econômicos e estruturais“, segundo comunicado oficial do clube divulgado nesta quinta-feira (5).

Abaixo a íntegra do comunicado oficial do Barcelona:

Foto: Reprodução/Barcelona FC

Tradução do comunicado oficial:

“Apesar de ter chegado a um acordo entre o FC Barcelona e Leo Messi e com a clara intenção de ambas as partes de assinarem hoje um novo contrato, este não pode ser formalizado devido a obstáculos econômicos e estruturais (regulamento espanhol LaLiga).

Diante desta situação, Lionel Messi não continuará vinculado ao FC Barcelona. Ambas as partes lamentam profundamente que os desejos do jogador e do clube não possam ser finalmente atendidos.

O Barça agradece de todo o coração ao jogador a sua contribuiçãopara a valorização da instituição e deseja-lhe o melhor na sua vida pessoal e profissional.”

Os motivos

De acordo com a imprensa espanhola, Messi e Barcelona vinham afinando as conversas e a permanência do jogador se encaminhava. Aos 34 anos, o jogador estaria disposto a reduzir o salário para renovar por mais cinco temporadas. No entanto, uma reviravolta teria antecipado o adeus.

Entre as motivações, segundo o jornalista Marcelo Bechler e periódicos espanhóis, a renovação de Messi impediria o Barcelona de fechar as contas, desrespeitando assim o Fair Play financeiro, já que ainda há negociações com a La Liga (campeonato espanhol) e a Superliga Europeia (ainda em fase embrionária e muito criticada por torcedores), esta um desejo dos dirigentes catalães.

O clube teria de aceitar valores e prazos que considerados injustos oferecidos por um fundo de investimentos para fechar acordo com a La Liga, mantendo assim as contas no azul e, de quebra, renovar com seu maior jogador. Contudo, estaria abrindo mão da Superliga Europeia.

Outro fator que teria contribuído para o desfecho, segundo o diário espanhol Marca, seria o insucesso nas negociações entre o Barcelona e o zagueiro da Atalanta e companheiro de Messi na Seleção Argentina, Cristian Romero, um pedido do camisa 10.

Até o momento, apesar do anúncio oficial do Barcelona, Messi não se pronunciou. Ele é o maior ídolo do clube, tendo feito 672 gols em 778 jogos durante 17 temporadas como profissional. Nesse tempo, conquistou quatro Champions League, três Mundiais de Clubes, três Supercopas Europeias, 10 campeonatos espanhóis, sete Copas do Rei e oito Supercopas da Espanha.

Há anos diversas equipes demonstram interesse em ter Messi, mas a sólida história do argentino com o Barcelona, que sempre deixou claro o desejo de não mudar de casa, e os valores altíssimos para sua aquisição protelavam o adeus.

Equipes como Manchester City (ING) e Paris Saint-Germain (FRA) figuram como os principais destinos, já que possuem muitos recursos em caixa e sempre demonstraram interesse no argentino. Além disso, o grande treinador de Messi, Pep Guardiola, treina o clube inglês. Já o brasileiro Neymar quer jogar novamente com Messi, ampliando as chances do time francês.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *